Início » Mente sã, corpo são

Mente sã, corpo são

por Leandro Ferreira

Saúde mental e saúde física estão relacionadas. Bons pensamentos refletirão positivamente na sua saúde, assim como a atividade física irá auxiliar no bem-estar emocional. Busque o equilíbrio e seja feliz!

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), saúde é “um estado de completo bem-estar físico, mental, emocional e social, e não apenas a mera ausência de doença ou enfermidade.”

O corpo é influenciado pela mente, e a mente pelos processos químicos e hormonais do corpo. Se estivermos cuidando bem do nosso corpo, a mente se beneficiará. E à medida que a mente se beneficia, estaremos mais preparados para cuidar do corpo.

A psiquiatra e mestre em psiquiatria pelo Instituto de Psiquiatria da Universidade de São Paulo (IPQ- FMUSP), Lívia Beraldo de Lima, afirma que a importância da boa alimentação, qualidade do sono e dos exercícios físicos não são essenciais somente para a saúde física. “Para a saúde mental a importância permanece a mesma. Chega a ser até mais necessária, já que a atividade física contribui para a produção dos hormônios e neurotransmissores do bem estar.”

A especialista afirma que este cuidado é ainda mais importante neste momento delicado: “É durante a pandemia que precisamos estar atentos à nossa saúde física e mental, para poder passar por ela da melhor forma.”

Os pilares da conexão corpo e mente

As escolhas que fazemos com relação à comida, ao sono e aos exercícios estão conectadas ao tipo de vida que levamos. Conscientizando-se da relação entre o que você faz e como se sente, você pode começar a implementar mudanças, fortalecendo a conexão entre a sua mente e o seu corpo. Veja aqui algumas dicas para estabelecer esta conexão:

“Ouça” o corpo

Conectar mente e corpo significa entender as mensagens que o corpo envia, como uma dor de cabeça no meio do dia, um bocejo, azia etc. Muitas vezes pode ser um problema emocional. Dedique um tempo para prestar atenção no que sente fisicamente.

Relaxe

Encontre um espaço onde possa deitar e se esticar. Preste atenção à respiração e permita que o corpo encontre o próprio movimento. Inicie um diálogo contínuo com o seu corpo. Práticas como yoga e meditação podem contribuir com este processo.

Atividade Física

Além de reduzir os níveis de cortisol a atividade física relaxa o corpo e a mente. Dra. Lívia relata que com a produção dos “hormônios da felicidade” em ordem os sintomas de transtornos mentais, como a depressão, ansiedade, síndrome do pânico, transtorno de déficit de atenção com hiperatividade, (TDAH), entre outros, tornam-se mais leves.

“O cortisol, a privação do sono e a indisposição nos deixam estressados. Neste estado a nossa mente permanece sempre em alerta. Passamos a procurar por ameaças e pretextos para a irritação em todos os cantos.”

A atividade física combate esse estado nocivo para a nossa saúde, pois
atua diretamente na produção da serotonina, responsável pela sensação de bom humor e bem-estar de um modo geral; e da endorfina, que regula as funções do sistema nervoso, trazendo a sensação de relaxamento.

Cuidado com as redes sociais

“Apesar do papel importante nesse momento da pandemia, em que as redes disponibilizam muito conteúdo e atividades gratuitas, muitas vezes elas passam a impressão de um ‘mundo de faz de conta’. Isso pode aumentar cobranças e causar frustrações”, adverte a psiquiatra.

Qualidade do Sono

“A privação do sono afeta o nosso humor, gerando fadiga, alterações hormonais, estresse, aumento de peso, sonolência, confusão mental, dor muscular e outros efeitos colaterais negativos. Na hora de dormir procure relaxar, desligue as luzes e tire de perto os aparelhos eletrônicos. “A atividade física também pode ajudar, pois melhora a qualidade do sono, diminuindo a insônia e nos ajudando a estabelecer uma rotina de sono”, lembra a dra. Lívia.

Autoconhecimento

Quando você se conscientiza sobre sua própria imagem, as suas escolhas e sobre como estas lhe afetam finalmente desperta. Saber como você e o seu corpo funcionam e conhecer-se permite tomar decisões que lhe farão bem.

E lembre-se: o bem-estar está relacionado à harmonia entre o corpo e a mente. Adote atitudes que conectem um ao outro e façam você se sentir bem. Faça dessas atitudes um hábito, olhe com gratidão para o que há de positivo e coloque em prática. Ao dar o melhor de si você já sai vencedor!

Deixe um comentário

Você pode gostar

Utilizamos cookies para proporcionar melhor experiência online. Ao navegar aqui, você concorda com nossa política de privacidade e o uso de cookies. Aceito Leia mais