Março Azul-Marinho

Mês de Combate ao Câncer Colorretal

Campanha incentiva o diagnóstico precoce de um dos três tipos de cânceres que mais atingem os brasileiros. Saiba como se prevenir

O câncer colorretal está entre os três que mais matam no Brasil. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA)[1] estimam-se para cada ano até 20.540 casos de câncer de cólon e reto em homens e 20.470 em mulheres, no país[2].

De acordo com o coloproctologista do Hospital Santa Catarina Paulista, dr. Fernando Bray, a cada ano há o aumento na incidência de casos e a campanha é muito importante para controlar esse crescimento no Brasil e no mundo

Os principais sintomas são sangue ou muco nas fezes, emagrecimento sem explicação, anemia com deficiência de ferro, fezes afiladas e mudanças na consistência das fezes, como diarreia ou intestino preso.

O médico explica a importância de um diagnóstico precoce no caso do câncer colorretal, que pode ser um divisor de águas para a cura do paciente. “Muda completamente o tratamento. Quanto mais precoce a identificação do tumor maligno, maiores as chances de cura.”

De acordo com o INCA este câncer abrange os tumores que se iniciam na parte do intestino grosso chamada cólon e no reto (final do intestino, imediatamente antes do ânus) e no ânus. Grande parte desses tumores se inicia a partir de pólipos, lesões benignas que podem crescer na parede interna do intestino grosso.

A detecção precoce permite encontrar o tumor em uma fase inicial. Pode ser feita em pessoas que não apresentam sintomas, mas que pertencem a grupos com maiores chances de ter a doença. Já aqueles que apresentam os sintomas devem fazer os exames para investigar, possibilitando o diagnóstico precoce.

 “O câncer colorretal é passível de ser evitado se as pessoas tiverem uma vida com hábitos mais saudáveis e se realizarem o rastreio de forma preventiva por meio de colonoscopia para a retirada de pólipos intestinais, que são os precursores da doença”, confirma Bray.

Tratamento

Dr. Bray explica que o tratamento se baseia, na maioria das vezes, em retirada de parte do intestino grosso ou reto, assim como dos gânglios linfáticos da região tumoral. Além disso pode ser necessária a aplicação de tratamento complementar, como quimioterapia e radioterapia, dependendo de cada caso.

“O acompanhamento após a realização do tratamento é feito por meio de seguimento rigoroso por pelo menos cinco anos e envolve consultas médicas regulares e exames de imagem como tomografias, colonoscopia e marcadores tumorais.”

Previna-se!

Há outros fatores importantes que também podem contribuir para o aparecimento do câncer colorretal. Dr. Bray aponta o histórico familiar deste câncer, obesidade, dieta pobre em fibras, alto consumo de gorduras de origem animal e pessoas portadoras de doença inflamatória intestinal como os principais fatores de risco.

“A melhor forma de prevenir o problema é ter uma alimentação saudável, rica em fibras e pobre em gordura animal, além da prática de exercícios físicos e controle adequado do peso corporal”, alerta o médico.

Exames

Os tumores de cólon e reto podem ser detectados precocemente por meio de dois exames principais: pesquisa de sangue oculto nas fezes e endoscopias (colonoscopia ou retossigmoidoscopia).

De acordo com o INCA o rastreamento deve iniciar em pessoas acima de 50 anos, mas pode ser antecipado conforme o histórico familiar do paciente e a aparição de sintomas. Neste caso é fundamental consultar o médico.


[1] https://www.inca.gov.br/tipos-de-cancer/cancer-de-intestino

[2] Dados ano 2020 – Estatística

https://www.inca.gov.br/tipos-de-cancer/cancer-de-intestino

Andrea Alves

Compartilhar
Publicado por:
Andrea Alves

Postagens recentes

Cresce procura por serviços de saúde on-line durante a pandemia

Cada vez mais pessoas optam por cuidar da saúde com segurança, evitando frequentar locais públicos…

1 mês atrás

Abril Azul – mês da conscientização sobre o autismo

Infelizmente portadores do transtorno do espectro autista ainda sofrem muito preconceito. Campanha alerta para a…

1 mês atrás

Mente sã, corpo são

Saúde mental e saúde física estão relacionadas. Bons pensamentos refletirão positivamente na sua saúde, assim…

1 mês atrás

Conheça os benefícios do treino com faixa elástica

As faixas elásticas podem ser extremamente versáteis na hora de se exercitar em casa. Veja…

1 mês atrás

Quer ajudar durante a pandemia?

Algumas iniciativas podem auxiliar pessoas carentes nestes difíceis tempos de pandemia. Saiba como você pode…

1 mês atrás

Alimentação adequada fortalece o sistema imunológico

O papel do alimento como um dos mais relevantes fatores de promoção da defesa no…

1 mês atrás